Comissão Global de Política de Drogas nomeia Fernando Henrique Cardoso como Presidente Honorário

.

Agência Brasil
Credit...Agência Brasil

Fernando Henrique Cardoso é um dos membros fundadores da Comissão Global de Política de Drogas, lançada em junho de 2011. Em 2007, ele iniciou e orientou o trabalho da Comissão Latino-Americana de Drogas, para em seguida reunir um grupo de personalidades mundiais para defender a reforma de políticas de drogas a nível internacional.

Sob a presidência de Fernando Henrique Cardoso, entre 2011 e 2016, e com o apoio de outros comissários como Kofi Annan, Ruth Dreifuss e George Shultz, a Comissão Global contribuiu para a abertura de um debate honesto sobre os danos gerados por políticas de drogas repressivas, o que favoreceu reformas em todo o mundo.

"Seu legado e exemplo de determinação perpetua e instiga o trabalho da Comissão Global", que desde então tem renovado sua composição e hoje, integra, novos membros como Juan Manuel Santos, da Colômbia, e José Ramos-Horta, de Timor-Leste, diz nota enviada à imprensa.

"A liderança de Fernando Henrique Cardoso foi fundamental para o avanço de reformas de políticas de drogas em todo o mundo. Dando prova de coragem política, ele denunciou os danos que as políticas punitivas de drogas e a proibição vem infligindo às pessoas mais vulneráveis de nossa sociedade. Nosso respeito coletivo por sua coragem e seu compromisso é imenso", afirma Helen Clark, atual Presidente da Comissão Global.

Por meio de recomendações baseadas em evidências científicas, em uma década a Comissão Global se tornou um ator central do debate internacional sobre as políticas de drogas, defendendo uma abordagem equilibrada e pragmática baseada nos direitos humanos.