Ilha paradisíaca oferece visto de trabalho remoto por um ano

Seu trabalho é chato e entediante? Se sim, você não precisa mais se preocupar, e pode passar um tempo em um paraíso tropical ganhando dinheiro para isso. É essa a oportunidade que está sendo dada pelo governo de Barbados, um pequeno país do Caribe. Eles estão oferecendo um visto de trabalho remoto, o Barbados Welcome Stamp, que autoriza visitantes estrangeiros a permanecerem no país por um ano trabalhando em home office. O visto está aberto para inscrições de pessoas de qualquer região do mundo, contudo, o custo por pessoa é de US$ 2 mil (aproximadamente R$ 11 mil) ou US$ 3 mil por família (R$ 16,4 mil). Além disso, é preciso ter uma renda anual comprovada de no mínimo US$ 50 mil (R$ 273 mil) e seguro saúde. E o governo do país também tem a premissa de vetar qualquer pessoa por razões de segurança nacional.

Macaque in the trees
Se você gosta de calor, Barbados é o local certo. Praticamente quase todos os dias do ano são ensolarados e a temperatura média é de 27 graus (Foto: Divulgação)

Após enviada a solicitação de visto, o governo responde o pedido em até uma semana dizendo se a autorização será concedida ou não. O Barbados Welcome Stamp vem se mostrando popular principalmente entre os cidadãos do Canadá, Estados Unidos e Reino Unido. O pequeno país faz parte do Commonwealth, que é uma comunidade de ex-integrantes do império britânico, e a região conta com boa parte de sua população composta por estrangeiros. 

Passatempos

Há diversas atividades que podem ser feitas na ilha, como o surfe nas praias paradisíacas. O Caribe também é conhecido por seus vários resorts, que além de oferecerem uma experiência de jogatina incrível, têm cassinos que contam com vista para as mais variadas belezas naturais. Porém, se você ainda não pode ir para Barbados, os cassinos com bônus de bingo online grátis podem ser uma alternativa para curtir a experiência e você ainda pode aproveitar do sofá de casa. Além disso, há passeios de jet-ski, tour por destilarias de rum ou partidas de Críquete, que é considerado o esporte nacional. Os moradores locais também costumam realizar festas diárias, que incluem música e comidas típicas.

Há um festival bastante famoso, o Crop Over, que se assemelha ao carnaval e atrai milhares de visitantes todos os anos. Porém, infelizmente ele foi cancelado no ano de 2020, e este é um dos principais motivos pelo qual o governo criou o novo visto, na busca de atrair recursos para o turismo na região. 

Clima 

Se você gosta de calor, Barbados é o local certo. Praticamente quase todos os dias do ano são ensolarados e a temperatura média é de 27 graus. Porém, a ilha tem uma temporada de chuvas e furacões, que se inicia em junho e vai até novembro. Mas não há o que se preocupar quanto aos furacões, pois o último a atingir o local foi em 2004, o Ivan. Além disso, por estar localizada ao leste no Caribe, Barbados está fora da rota dos grandes furacões. Para quem está preocupado com as chuvas também há um alívio - apesar de virem em abundância, duram um curto período, pois logo o céu já fica limpo. 

Sistema de Saúde 

A ilha se orgulha do seu sistema de saúde abrangente, que conta com diversas policlínicas, clínicas privadas e postos de saúde, além do Hospital Queen Elizabeth, o principal do local. O governo solicita que os visitantes tragam seu plano de saúde para acessar esses serviços. Caso o visitante não tenha um plano, há diversas seguradoras locais que atendem estrangeiros, porém, o tratamento médico na região pode ser caro.

Custo de vida 

O preço de alimentos costuma ser elevado, já que a maioria dos insumos são importados. Já a internet é muito rápida, com velocidade média superior à encontrada no Reino Unido, e outros serviços como eletricidade e água são mais baratos que vários destinos europeus.