Gases de enxofre de erupções de vulcão no Caribe atingem Índia

.

Pixabay / violetta
Credit...Pixabay / violetta

Dados de satélite mostram um aumento anormal de dióxido de enxofre no Norte da Índia, após emissões de uma erupção vulcânica no Caribe atingirem o país em abril.

O gás incolor foi emitido por diversas erupções vulcânicas e, quando se mistura com água, forma ácido sulfúrico. O dióxido de enxofre poderia aumentar a incidência de chuva ácida, segundo o portal Bloomberg.

Após uma semana de erupções explosivas, as medições de satélite mostram que o vulcão La Soufrière, um dos que mais preocupam os especialistas, liberou aproximadamente 0,6 teragramas de dióxido de enxofre à atmosfera, segundo o Observatório Terrestre da NASA.

[As emissões de dióxido de enxofre (SO2) da erupção vulcânica do La Soufrière no Caribe alcançaram a Índia, como mostrou na quinta-feira o Serviço de Mudança Climática do Copernicus.]

Isto é mais do que os satélites já mediram de qualquer outro vulcão caribenho.

"O pensamento atual é que um vulcão precisa injetar pelo menos 5 teragramas de dióxido de enxofre na estratosfera para ter impactos climáticos mensuráveis", afirmou Simon Carn, vulcanologista da Universidade Tecnológica de Michigan.(com agência Sputnik Brasil)